INÍCIO Trabalhos Detalhes dos Rituais de 1804
Imprimir E-mail
Índice do Artigo
Detalhes dos Rituais de 1804
TRAJETÓRIA DOS GRAUS SIMBÓLICOS DO REAA
ESFACELAMENTO DO SUPREMO CONSELHO
PRIMEIRA IDÉIA DE LOJA CAPITULAR
O TERMO SIMBOLISMO
AS LOJAS CAPITULARES NO BRASIL
RITUAIS DESCARACTERIZADOS DO SIMBOLISMO
ORIENTE ELEVADO E COM ÁREA DELIMITADA
ORIENTE PROIBIDO PARA APRENDIZES E COMPANHEIROS
MESTRES INSTALADOS NO ORIENTE DOS CAVALEIROS ROSA-CRUZ
O PAST MASTER (MESTRE INSTALADO) DO SANTO ARCO REAL
Todas Páginas

ORIENTE COM DESNÍVEL GEOGRÁFICO E OS MESTRES INSTALADOS

Em 12 de outubro de 1804, foi criado em Paris o Supremo Conselho de França, o segundo no mundo, para difundir na Europa o Rito Escocês Antigo e Aceito. Concebido, inicialmente, como Rito para Altos Graus, chegou dos Estados Unidos sem ritual próprio para os graus de Aprendiz, Companheiro e Mestre. No dia 22 de outubro, uma Assembléia Geral do Supremo Conselho de França fundou, também em Paris, a Grande Loja Geral Escocesa para organizar o ritual francês das Lojas Azuis ( Blue Lodges) do Rito Escocês Antigo e Aceito (ainda não havia sido cunhado o termo simbolismo para os três primeiros graus), tendo por base o Rito Antigo Aceito, praticado pela Grande Loja de Londres de 1751, a Grande Loja dos auto-proclamados "antigos" maçons.

Na França, o Grande Oriente tinha como rito oficial, o Rito Escocês dos Modernos, ou Rito Francês, semelhante ao rito praticado pelas Lojas da Grande Loja de Londres de 1717, a primeira Grande Loja no mundo e denominada, pejorativamente,  pelos seus adversários,  como sendo dos "modernos"( os que inventaram ritual novo ).
Quarenta dias depois, um acordo entre Grande Oriente e Supremo Conselho viabilizou a prática do Rito Escocês Antigo e Aceito dentro do Grande Oriente de França.